Pular para o conteúdo

Arquivo de

Quando nada está acontecendo, o blogue

Eu posso dizer que nos últimos tempos  tenho um blogue predileto, que visito todos os dias, que gosto de ver crescer, cujo olhar, a visada da autora sobre as coisas do mundo, já me faz falta. Pois é, Noemi Jaffe, que foi minha professora no ginásio, me faz recuperar algo que ainda não sei bem o que é. Talvez seja a espécie de resposta (esta não é a melhor palavra) que ela dá à necessidade que sinto, e que muitos leitores devem ter, de a experiência fazer sentido, assim como coisa vivida e que pode ser contada e bem contada – do gato, das frutas, dos livros, dos cavalos e ovelhas poderem dizer. 

Não deixem de ler. Há um texto que é lindo e que não por acaso se chama “história”, para ler basta clicar aqui.

P.S.: Noemi, eu também tô olhando.

Anúncios

BLABLAblogue – lançamento

Conviteblablablogue2

A jovem Terracota Editora, do não menos jovem autor e editor Claudio Brittes, lança neste sábado, na Livraria Martins Fontes da Paulista, das 15:30h às 18:30h, a antologia BLABLAblogue. Livro que reune autores já mapeados e outros nem tanto, todos rastreados por Nelson Oliveira. O convite dá conta de todos os nomes, salve e salve!, eu reitero alguns por serem estereantes ou quase,  por gosto, por empatia, por serem chegados também com Marcelo Maluf, Cassy Dias e Claudio Brittes, cujos blogs estão linkados no Sorriso. Nem comento o querido Marcelino Freire,  porque o homem é onipresente.

[só]

 

 

via

[…]

Partes baixas, literatura em alta

A literatura está  para o sexo como tudo o mais, entretanto para alguns este circuito se mostra às claras, toma de assalto a escritura, é o caso da poeta Analu Andrigueti e, não rara vezes, do escritor Samir Mesquita. Não bastasse a verve direta dos moços, buscaram um suporte em que suas palavras fossem ainda mais ao ponto: calcinhas. Para saber mais dessa ação entre amigos, fotografada por Eduardo Muylaert, que será lançada amanhã, 20/05, clique aqui.

Notebook, um mimo

Este trabalho é de uma delicadeza, não? É uma espécie de portifólio da artista Evelien Lohbeck, mas me parece o seu melhor trabalho. Além dele não deixe de ver isto aqui.

Nota em 140 caracteres

Caros, por absoluta incompatibilidade com a ferramenta, deletei minha conta do twitter.

A ordem secreta dos ornitorrincos, disso se trata

jd151008

Cada dia eu gosto mais deste livro de Maria Alzira Brum Lemos. Uma obra que pode ser entendida, entre outras tantas chaves, como um romance à lá Bakhtin, isto é, como uma linguagem que abarca todos os gêneros possíveis. Neste caso, podemos ler o romance como uma tese, defendida e muito bem defendida como ficção, ou melhor, ficções.

Trata-se de um livro com muitos livros dentro, digamos. Ou como diz uma possível narradora do livro sobre ele: “No momento termino um texto que o Editor acha que é um romance, o setor de marketing, algo que tem para vender, eu que é um texto transgênero. Publicar é um ato predatório e aqui, ou aí, está alguém que sofre de desconexão, é exibicionista e fake. Ainda bem que entre as leis que regem nossa existência está a do limite, que determina a progressão infinita dos elementos entre nós e cada olhar, a cada instante. Ainda bem que a cada opacidade corresponde uma transparência e vice-versa. E que em algum momento, em algum lugar em algum sistema existem trabalhadores de fábricas de sapato, santinhas, plantas carnívoras, Salão de Beleza, arquitetos modernistas, a Biocinética Estelar, ornitorrincos e outras coisas que não existem ou que existem mas que ninguém sabe o que são. Disso se trata.”

Reitero: disso se trata. Por isso é melhor lê-lo.

P.S.: Boas resenhas aqui e aqui.

Peixes

3526551447_4e06ae582c_b

ilustração de  réber lászló

Ainda que para lados opostos, meus caros, se um não se move o outro também não.

Casa de ferreiro, Olho de Boi

Em cima do lance, aviso aos queridos cariocas que frequentam este blog: amanhã pré-estréia Olho de Boi no Rio de Janeiro. Compareçam.

Convite OLHO de BOI - RJ