Pular para o conteúdo

A ordem secreta dos ornitorrincos, disso se trata

jd151008

Cada dia eu gosto mais deste livro de Maria Alzira Brum Lemos. Uma obra que pode ser entendida, entre outras tantas chaves, como um romance à lá Bakhtin, isto é, como uma linguagem que abarca todos os gêneros possíveis. Neste caso, podemos ler o romance como uma tese, defendida e muito bem defendida como ficção, ou melhor, ficções.

Trata-se de um livro com muitos livros dentro, digamos. Ou como diz uma possível narradora do livro sobre ele: “No momento termino um texto que o Editor acha que é um romance, o setor de marketing, algo que tem para vender, eu que é um texto transgênero. Publicar é um ato predatório e aqui, ou aí, está alguém que sofre de desconexão, é exibicionista e fake. Ainda bem que entre as leis que regem nossa existência está a do limite, que determina a progressão infinita dos elementos entre nós e cada olhar, a cada instante. Ainda bem que a cada opacidade corresponde uma transparência e vice-versa. E que em algum momento, em algum lugar em algum sistema existem trabalhadores de fábricas de sapato, santinhas, plantas carnívoras, Salão de Beleza, arquitetos modernistas, a Biocinética Estelar, ornitorrincos e outras coisas que não existem ou que existem mas que ninguém sabe o que são. Disso se trata.”

Reitero: disso se trata. Por isso é melhor lê-lo.

P.S.: Boas resenhas aqui e aqui.

Anúncios
Não há comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s