Pular para o conteúdo

Preço

andres-rabago3

tinta de Andres Rabagno

Há os inclassificáveis, os sem meio-termo, os exagerados, os eleitos para cavarem e irem para cova antes de nós. Aqueles que quanto mais fora, mais cedo serão devassados, mais esquadrinhados, mais bem recebidos, numa inversão sem precedentes, cheia de boas intenções. Se o mendigo descuidar, será fotografado até a exaustão, se o louco não se proteger, terá suas calças expostas no museu, se a velha que acumula lixo não fizer direitinho, na moita, será manchete do jornal e terá sua casa aberta à visitação. Como se sair do esquadro fosse uma estratégia para estar no centro do alvo, para ganhar aplauso, para ser o conviva mais querido de jantares, de programas de tevê, e de outros rapapés. Só que ninguém vira cinza, vai a sete palmos e volta, eletrifica-se, fica gasto e perde o tino para virar selo e carimbo. Ninguém se desvia e se encontra, fora ou dentro de si, para ser recolhido e pousado na estante, para virar alegoria de enredo murcho. O buraco é sempre mais embaixo, mas poucos pagam o risco da descida, de experimentar o gosto vermelho dele. Quem vai se melindrar numa curva perigosa quando pode usar sem risco, com lucro e em festa a pele daquele que vai assar por nós, no quinto dos infernos?

Anúncios
Não há comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s